terça-feira, 9 de junho de 2015

Dia dos Namorados pós filhos


Olá mamãe virtuosas!
Nesta semana se comemora o dia dos namorados. A nossa querida Renata Moura, pediu que estivesse escrevendo sobre o relacionamento do após a maternidade. Confesso que é um assunto bem delicado de se falar, precisaríamos de vários debates para chegarmos a um denominador comum, se é que existe um.

Conciliar todos os afazeres ao nosso redor após a chegada dos nossos filhos é uma tarefa um pouco complicada! Não deixar nossa relação como marido e mulher para trás, é um desafio. Saber diferenciar o amor que sentimos pelos nossos filhos, do amor que sentimos pelos nossos cônjuges é muito importante.

Uma vez ouvi uma frase que dizia: "Criamos os nossos filhos para o mundo." E é quase isso mesmo. Criamos nossos filhos para serem luz desse mundo. Eles não são nossos. Um dia eles irão cumprir o chamado de Deus na vida deles, e nos deixaram. Ficará então você e seu esposo.

Valorizar o relacionamento homem e mulher deve ser diariamente, em pequenos detalhes. O livro de cantares nos mostra um relacionamento do noivo com a sua noiva. É uma conquista diária. Se você ainda não leu, leia, esse Livro é lindo!

Bom, dada as circunstâncias diárias de um casamento, devemos também aproveitar as datas comemorativas para agradar um ao outro. E quero falar de minha experiência.

Não sei como funciona em sua cidade, mas aqui no dia dos namorados, todos os lugares ficam lotados, muita gente bebendo, som alto, nem sempre músicas agradáveis, muito menos o ambiente. Confesso que não gosto de sair no dia dos namorados, então quase sempre, ficamos em casa mesmo. Antes e depois dos filhos.

Mas quero dar uma dica para todas vocês!

Ano passado, quase chegando o dia dos namorados, que ocorreu em uma quinta feira, de última hora, resolvemos juntamente com alguns amigos íntimos, realizar um jantar só nosso. Se me recordo bem, foram seis casais. Todos com filhos. O meu, na época só tinha o Davi, ficou com minha mãe até um certo horário. Depois meu esposo o buscou e ele permaneceu conosco como outras crianças.

Decidimos que seria na casa de uma amiga, a Renata (que não é a Moura, rs) Contratamos um jantar com um chefe de cozinha (que chique rs). Porque além de trabalharmos fora de casa, não daria tempo de preparar tudo, também não queríamos cozinhar. Preferimos pagar o jantar. E ficou barato viu, bem mais do que se tivéssemos saído.

O jantar foi maravilhoso, conversa boa, em casa, músicas cristãs, e claro, dinâmicas. Muitas risadas foram dadas. Decoramos a casa da nossa amiga, ficou lindo! Nem sempre dá para comemorarmos em determinados lugares com nossos filhos, mas sempre dá para dar um "jeitinho" de conciliar tudo. Basta querer.

Espero que nesse dia dos namorados, além de comemorar, que possamos refletir sobre a importância de nossos casamentos. Deus preparou para nós. Se às vezes não está como gostaríamos, deveríamos parar e vigiar os detalhes que estão ao nosso redor. Conversar, orar juntos, amar mais uns aos outros.

Bom, feliz dia dos namorados para nós, mulheres virtuosas!

Fiquem com Deus, e até o próximo post.

Texto escrito por Juliana Saviano para o Projeto Virtuosas
Direitos Reservados
Comentários pelo Facebook
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário