segunda-feira, 25 de agosto de 2014

De Mulher para Mulher



FAMÍLA RAIZ, SUPORTE PARA A SOCIEDADE


Desde cedo um dos objetivos da criança é ser como as pessoas que tanto admira. Nesse sentido os pais e professores funcionam como modelos a ser “incorporados”. Quanto maior for a admiração pelos pais, mais os filhos os transformam em seus mestres. E sem que os pais se deem conta, absorvem seus gestos corporais e suas posturas psicológicas.
O exemplo é muito importante na educação. Quem sabe fazer aprendeu fazendo.



Logo a informação, comunicação e afeto, tem alto grau de importância na educação, dos filhos. Dentro desse aspecto o amor e os limites exigem entrega, segurança e exemplos, para produzir na criança a educação que os pais tanto esperam que ela tenha.
Limites e educação, de mãos dadas, não há como separar. Pois, colocar limites nos desejos instintivos é educar. Ensinar qual o melhor caminho a ser trilhado, qual os perigos que podem aparecer na estrada, é obtidos através dos limites. Estabelecer limites é um ato de amor, é transmitir segurança e estabilidade.  


A educação global é feita a oito mãos: pelo pai, pela mãe, pela escola, e pelo próprio jovem. É bom lembrar sempre ao filho, que ele tem DIREITOS E DEVERES E QUE A CADA DIREITO CORRESPONDE UM DEVER.
Os pais podem dar alegria e satisfação para um filho, mas não há como lhe dar felicidade. Os pais podem aliviar sofrimentos enchendo-o de presentes, mas não há como lhe comprar felicidade. Os pais podem ser bem-sucedidos e felizes, mas não há como lhe emprestar felicidade. A felicidade ele vai conquistar com as ferramentas adquiridas nas relações de afeto, carinho e limites.

NA ARTE DE SER PAI e MÃE TODOS SOMOS APRENDIZES; O IMPORTANTE É NUNCA PARAR DE APRENDER.

Estabelecer limites que devem ser seguidos e cumprir algo que a muito tempo já foi escrito e que pode ser lido na Bíblia no livro de Provérbios 22:6; Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele.
O caminho é um só, não há atalhos, é rígido, mas é seguro.
 
Texto produzido a partir da leitura de Içami Tiba, Cris Poli, Caio Feijó.

Texto Escrito para o Projeto Virtuosas
Pela Psicóloga Sandra Weigmann
Direitos Reservados
Comentários pelo Facebook
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário